Quanto ganha um perito grafotécnico ?

Quanto ganha um perito grafotécnico?

Acreditamos que você tem o hábito de assistir notícias, não tem?

Pois, diariamente somos bombardeados de notícias que falam sobre a falta de emprego e o número de pessoas que perderam seus postos de trabalho no último ano.

Conforme publicado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e as informações da Pnad Contínua, nos últimos meses de 2020, foi registrado o maior índice de pessoas desempregadas da série histórica.

De fato, essa é uma realidade lamentável. Entretanto, essa queda em ofertas de trabalho pode também se tornar uma grande oportunidade.

curso de perito grafotécnico

Exatamente! A busca por novas maneiras de gerar renda levaram e estão levando pessoas a aprenderem novas tarefas e profissões.

Na mesma proporção, instiga quem deseja se manter no mercado de trabalho a desenvolver novas habilidades e ingressar em setores diferentes.

Veja então que há aqui uma grande oportunidade, a de se formar perito!

Isso mesmo, através de um curso on-line você pode modificar sua vida radicalmente, tornando-se um perito grafotécnico.

Mas será que vale a pena o salário de perito grafotécnico?

Acredite, só não vale a pena, como também existe um mercado promissor à sua espera. Principalmente com demandas recorrentes e que pagam honorários interessantes.

Ficou curioso? Então continue a ler este texto porque vamos explicar tudo sobre o ramo da grafoscopia, especialmente falar sobre quanto ganha um perito grafotécnico. Acompanhe!

O que é Grafoscopia?

Assim como muitas das palavras que usamos no cotidiano, grafoscopia também é uma herança grega. Em síntese, sua etimologia é a união de grafos + copain.

E antes de compartilhar com você os benefícios de exercer uma nova profissão na área da perícia grafotécnica, é fundamental que entenda o conceito de grafoscopia.

Resumidamente falando, grafoscopia, que também podemos chamar de grafística e grafotécnica, é um setor que está dentro da documentoscopia.

A documentoscopia, por sua vez, estuda e analisa diferentes papéis e documentos. No entanto, é considerada uma ciência forense, ou seja, são procedimentos aceitos pela Justiça para esclarecer crimes, através de métodos científicos.

Neste contexto, a grafotécnica é a mais específica para validar escritos, inclusive assinaturas, através da análise de um expert que então recebe um salário de perito grafotécnico.

Embora essa parte da perícia integra a documentoscopia, ela poderá ser realizada por um profissional autônomo, desde que comprove sua formação na área através de um curso específico.

Para que serve a Grafoscopia?

Como você já deve saber, falsificar assinatura é crime, portanto, deve ser punido aquele que cometer essa infração.

Mesmo com penas definidas no Código Penal Brasileiro, igualmente multas e até prisões, o número de fraudes com falsificação de assinaturas é altíssimo aqui no Brasil.

Os falsários não poupam esforços para falsificar assinaturas em contratos, cheques, atestados e outros documentos.

Além disso, estão cada vez mais focados em melhorar o nível de qualidade em suas falsificações.

Sendo assim, quando existem suspeitas de falsificação de assinaturas, recorre-se a perícia grafotécnica.

Nestes casos, ela é uma ferramenta dinâmica e segura, para esclarecer dúvidas sobre o documento e as referidas rubricas.

Em síntese, essa ferramenta (com fundamento científico) é um dos instrumentos que a justiça e seus integrantes, por exemplo, advogados, promotores, juízes, recorrem sempre com o objetivo de resolver definitivamente dúvidas sobre assinaturas.

Entretanto, um especialista em grafoscopia também pode atuar para particulares, neste caso, o salário do perito grafotécnico é com base no grau e tempo dedicado a examinar os documentos e suas assinaturas.

Como é feita a perícia grafotécnica?

O princípio básico da perícia de assinaturas é pela confrontação. Ou seja, o perito terá em suas mãos dois documentos:

Um que deverá estar com a assinatura legítima e o outro documento, considerado peça de exame.

A peça de exame, que também pode ser chamada de peça questionada, passa a ser, portanto, um elemento chave durante o processo de investigação de falsidade de assinaturas.

Ela deverá ser mantida sob segurança e manuseada com cautela durante todo o tempo em que estará sob a guarda do perito.

Enquanto isso, o documento com a assinatura original, também chamado de peça de confronto ou paradigma, será usado sistematicamente para fazer as comparações dos elementos grafotécnicos.

Na verdade, são vários documentos ou assinaturas com a assinatura original (caligráficos) e estes são usados durante as testagens grafoscópicas, enquanto o perito elencar todas as divergências e/ou convergências percebidas.

Naturalmente que serão feitos vários testes e se a maior parte desses apontarem discrepâncias, a sentença é de que a assinatura é uma fraude.

Todos esses trâmites têm custos e automaticamente são incorporados ao salário de perito grafotécnico.

A perícia grafotécnica deve ser feita por um profissional capacitado na área, que é chamado também de perito grafoscópico, como já mencionamos.

Somente estes profissionais estão habilitados para aplicar os exames grafotécnicos de ordem genética e genérica nos lançamentos caligráficos questionados e utilizados como padrões de confronto.

Qual profissional pode fazer perícia grafotécnica?

De forma geral, a profissão de perito é muito antiga.

Conforme a história, surgiu no Império Romano e funcionava de modo empírico, ou seja, era considerado os conhecimentos da vida e a perspicácia do observador.

Entretanto, esse formato de perícia começou a ser usado no Brasil depois de 1925 e era realizada por profissionais que também eram funcionários do Instituto de Criminalística.

Atualmente, esse serviço pode ser realizado por pessoas qualificadas na área, ou seja, que possuam o conhecimento e expertise para interpretar e aplicar as regras de verificação da legitimidade do documento e/ou da assinatura.

Ressaltando que o conhecimento e a habilidade para tal função são adquiridos somente com estudos na área através do curso livre para formação em perícia grafotécnica.

Como o salário de perito grafotécnico depende da demanda que chega até ele, sua formação acadêmica prévia em áreas como psicologia, direito, entre outras, facilitará muito sua transição para a perícia grafotécnica judicial.

Qual o salário de perito grafotécnico atualmente?

salário de perito grafotécnico

Embora um perito de assinatura ganhe muito bem, ele não tem um salário fixo. Mas sim recebe honorários referente às suas tarefas realizadas.

Logo, seu salário pode variar, considerando as vezes que for convocado ou contratado.

Podemos dizer com toda certeza que verificações simples de idoneidade de assinaturas, por exemplo, chegam a valer R$ 2.500,00.

Enquanto isso, trabalhos mais complexos e que exigem mais tempo do perito valem entre R$ 3.500,00 e R$ 4.500,00.

Entretanto, ainda existem os casos de perícias para particulares e essas podem chegar a valores bastante expressivos.

É preciso fazer concurso público para ser perito grafotécnico?

Você se surpreendeu com os valores do salário de perito grafotécnico? Por isso acredita que vai precisar participar de um concurso?

Engana-se! Não existe necessidade de participar de concursos para exercer a função de perito grafotécnico. Mas o que de fato é exigido é um curso na área.

Quais as vantagens, além do salário de perito grafotécnico?

É importante dizer que especializar-se em perícia grafotécnica, certamente proporciona um acréscimo considerável na renda mensal ou mesmo poderá ser a fonte principal.

Afinal, existe uma demanda a ser suprida no segmento de perícia de assinatura e a tendência é que continue crescendo.

Além disso, podemos relacionar o benefício de trabalhar paralelamente a sua profissão, nas horas vagas ou com agendamentos, por exemplo. Mas ainda existem outras vantagens como:

  • O tempo para se qualificar como perito grafotécnico é pequeno, ou seja, rapidamente você adquire a qualificação para atuar em perícias;

  • A chance de trabalho é maximizada porque a concorrência é baixa, pois quase não existem pessoas qualificadas para atuar nessa parte das perícias;

  • Os cursos oferecidos para formação em perícia grafotécnica podem ser realizados totalmente on-line, pela internet.

O investimento para alcançar a qualificação é irrisório em relação ao potencial de ganhos que contemplarão o salário de perito grafotécnico ao longo da carreira.

Como ser um Perito Grafotécnico?

Em síntese, você se tornará um perito grafotécnico após concluir o curso de formação para tal finalidade.

Trata-se de um curso bem específico para compreensão de conceitos, elementos da grafotécnica e laudos exigidos durante as perícias.

Entretanto, não é um curso longo como um bacharelado que leva anos, mas sim, é um estudo dirigido em módulos e que poderá ser feito em pouco mais de 20 horas.

Onde fazer o curso de perito grafotécnico?

Como dito até aqui, você pode conquistar um salário de perito grafotécnico maior do que imagina, mas precisa se especializar certo?

Justamente por isso, temos a obrigação de recomendar a você os melhores cursos para perito grafotécnico, como esse que temos o prazer de lhe oferecer.

Ele está disponível no formato EAD com aulas 100% on-line para você estudar no seu melhor momento do dia e da semana.

Assim você ganha tempo e aproveita uma das maiores vantagens que somente cursos a distância podem oferecer - o preço acessível. Exatamente! O curso de formação de perito grafotécnico oferecido pela Nero Perícias custa muito menos do que uma única mensalidade de uma faculdade.

E, além de aulas explicativas e criadas por especialistas em grafoscopia, terá à sua disposição suporte direto com o professor.

Sem falar que materiais complementares como aula bônus com dicas para se desenvolver na área, abrangendo os temas:

Como se cadastrar no Tribunal de Justiça para atuar como Perito Judicial Grafotécnico

Como divulgar e atuar como Perito Assistente Grafotécnico

Bem como modelos de petições a laudos e ainda apostila para imprimir ou acessar on-line, serão entregues a você.

Além de tudo isso, você receberá o seu certificado de conclusão que é reconhecido em todo território nacional.

Definitivamente essa é uma grande oportunidade para alcançar o salário de perito grafotécnico e mudar o rumo da sua vida!

Clique aqui para saber mais sobre o curso.


Leia também...

O que se refere a elementos da grafotécnica
O que se refere a elementos da grafotécnica

Os elementos da grafotécnica se referem a situações bem específicas para avaliar a legitimidade de uma as

Ler tudo
Quem pode ser perito grafotécnico ?
Quem pode ser perito grafotécnico ?

Perícia grafotécnica é um formato de trabalho fascinante. Já pensou que poderia se tornar um perito, ganh

Ler tudo
Quem paga a Perícia Grafotécnica ?
Quem paga a Perícia Grafotécnica ?

Perícia grafotécnica é baseada na premissa de que dois indivíduos não podem produzir a mesma caligrafia.

Ler tudo
Cadastre-se para receber as novidades
Cursos em Destaque
Curso de Perito Grafotécnico